23 de set de 2009

VÂNDALOS VOLTAM A ATACAR ESCOLAS PÚBLICAS DE SÃO JOÃO BATISTA

Nas ultimas semanas a cidade de São João Batista foi vítima, novamente, de vândalos. Desta vez foi nas escolas púbilcas da cidade. As constantes invasões nas escolas estão ficando cada vez mais frequentes por causa da falta de segurança. Na escola "Marly Sarney" não existe vigilantes suficientes para atender as nessidades da escola. A situação se repete no Complexo escolar José Maria de Araújo, Ateniense, e outras.
Nas escolas estaduais, a situação não é diferente, no Centro de Ensino Acrísio Figueiredo, só nos ultimos 04 dias, os vândalos levaram 02 ventiladores, na escola do povoado Quiriri, foram as lâmpadas que sumiram. Na escola Marly Sarney, levaram mais um computador do laboratório de informática. A diretora do Acrísio Figueiredo, Cléia Moreno, acredita que os vândalos estão entrando pelo telhado, por não haver vestígios de arrombamento na entrada da sala, de onde foi levados os vetiladores. Segunda a diretora, não existem vigias suficientes para os três turnos. Quase em todas as escolas da sede, já existem laboratórios de informáticas, mas nenhum funciona como deveria funcionar. O problema está na preparação e qualificação dos professores que se sintam preparados para exercer tal função. A falta de professores qualificados desestimula os alunos e com isso quem tem a perder é o próprio aluno.
Essa situação só aumenta. No Acrísio Figueiredo, dos 12 computadores que o Ministério da Educação destinou á escola, só três estão funcionando, no Marly Sarney, nenhum está funcionado.

AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO EDUCATIVA DE SÃO JOÃO BATISTA-MA
O que você achou?

0 COMENTÁRIO:

Postar um comentário