27 de fev de 2011

DESEMBARGADOR MANDA SOLTAR MANOEL DE GENTIL

O desembargador Antonio Fernando Bayma Araujo, do Tribunal de Justiça do Maranhão, concedeu hoje (23) habeas corpus ao fazendeiro Manoel de Jesus Martins Gomes, o “Manoel de Gentil”, de 53 anos, acusado de ser o mandante do assassinato, com 7 tiros, do líder quilombola Flaviano Pinto Neto, 45, ocorrido em 30 de outubro do ano passado, no povoado Charco, em São Vicente Ferrer. O fazendeiro havia sido preso temporariamente na manhã de ontem (22), em cumprimento a um mandado da juíza Odete Maria Pessoa Mota, titular da comarca de São João Batista. A motivação do assassinato de Flaviano, segundo a polícia, foi a disputa por terras entre os quilombolas e “Manoel de Gentil” na Baixada Maranhense.
De acordo com o desembargador Bayma Araujo, a prisão temporária do suspeito não se fazia necessária, uma vez que a apuração dos fatos já havia sido realizada. A prisão temporária de um suspeito, conforme Bayma, só se justifica quando ele atuar para alterar provas, coagir testemunhas ou fugir enquanto a investigação acontece.
‘Rico não fica na cadeia’ – Ouvido pelo Jornal Pequeno, o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA), Luís Antônio Pedrosa, afirmou que a decisão do desembargador demonstra como funciona o sistema de Justiça do Maranhão. “Rico não fica na cadeia”, disse Pedrosa. “A metade do contingente de detentos do sistema penitenciário do Maranhão é composta de presos provisórios, gente pobre, na grande maioria, que não têm o privilégio que teve esse fazendeiro rico”, completou o militante dos Direitos Humanos, que informou, ainda, que o caso será levado a organismos internacionais, como a Anistia Internacional e a Organização dos Estados Americanos (OEA).
Flaviano Pinto Neto era presidente da Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Povoado Charco. Segundo a polícia, ele foi assassinado depois de ser atraído para uma cilada pelo ex-policial militar Josuel Sodré Sabóia, preso no último dia 2 no Anjo da Guarda (São Luís).
O suspeito de ser o executor do crime é Irismar Pereira, 31 anos – que também já está preso desde 5 de janeiro passado, mas sob a acusação de mandar matar o motorista Ronielson Lima Pinheiro, o “Roni”, 28 anos. O crime aconteceu em 14 de setembro de 2010, e teria motivação passional.
A polícia passou a investigar a morte de Flaviano Neto a partir da quebra de sigilos telefônicos dos suspeitos, principalmente do ex-PM Josuel Sabóia, que responde a vários processos na Justiça, sob suspeita de participação em homicídios, sequestros, receptação de carro roubado, entre outras acusações.
A disputa entre os quilombolas e o “grileiro” “Manoel de Gentil” por uma área de 1,4 hectares de terra – conhecida como “Fazenda Juçaral” – foi a motivação da morte do trabalhador rural Flaviano Neto, que liderava a comunidade de cerca de 70 famílias quilombolas da comunidade do Charco que desde 2005 lutavam pela titulação da área.
O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) foi acionado várias vezes pelos lavradores, mas nunca resolveu a questão a contento. Um laudo favorável ao fazendeiro chegou a ser emitido pelo instituto, mas foi contestado pelos quilombolas.
Em 2009, o Ministério Público Federal (MPF) entrou no caso, a pedido dos líderes quilombolas Flaviano Neto e Manoel Santana da Costa. Após isso, ambos se tornaram homens marcados para morrer, passando a receber ameaças frequentes de gente ligada a “Manoel de Gentil”. No final de outubro do ano passado, Flaviano foi morto. Manoel Santana continua sendo ameaçado. Fonte: Jornal Pequeno.

EQUIPE DE REDAÇÃO DA AGÊNCIA SJB
O que você achou?

9 COMENTÁRIO:

  1. bom trabalho, gostaria de tar em sua pagina de blogs, um abraço de neuton cesar jornalista e radialista responsavél pelo BNC Noticias.

    ResponderExcluir
  2. Até gosto desse blog, mas agora ta parecendo só política... pq desde que me entendo por gente vejo Manoel de Gentil trabalhando dia e noite e essa Agencia como é do municipio, era pra falar como é o comportamento dele, pelo que sei muito direito. Vcs poderiam mostrar como a população ficou triste com esse fato, tanto é que ele saiu aplaudido.

    Assina Alguém da beira

    ResponderExcluir
  3. Caro anônimo,

    Não ganhamos nada pra falar bem ou mal de alguem. Porque Manoel de Gentil não nos apoia?

    Porque ele não incentiva este blog?

    Então porque, deveriamos falar bem dele?

    Cabe a policia investigar, se ele é culpado ou não. Não temos nada a haver a com isso. Problema dele...

    Assim como não ganhamos nada pra atualizar o blog, bem que ele poderiamos nos ajudar, não?

    Jailson Mendes
    Agência de São João Batista-MA

    ResponderExcluir
  4. Tem o dizer que a seara é livre, mas a colheita OBRIGATÓRIA, SE Manoel de gentil semeou morte, inquietude, parece que chegou o tempo de colher. A propósito, sobre a antiga ótica de que rico não vai pra cadeia, o que se tem a dizer do caso Karol? que (dizem), um dos suspeitos pelo desaparecimento é um cunhado do Manoel de Gentil?
    Quem com ferro fere.. certamente chegará a ser ferido.Dizem que a justiça Divina tarda mas chega. Bom, acredito que ela não tarda nem adianta, MAS CHEGA na hora, pois o TEMPO de DEUS é diferente do nosso tempo.

    ResponderExcluir
  5. Quanto mal caratismo,insensatez,imoral e desdenhosa, das pessoas ligadas a familia ou não do único acusado, segundo inquérito praticamente concluído pela justiça comum, omitindo o óbvio!E vejam só,ofendidos pela imprensa livre e acessivel para nos outros, em querer proibir algo que já está nas telas de todos computadores do mundo,aí foi demais. certamente, se estes aos quais defendem esta apologia criminosa ,com certeza não o faria, se o assacinado covardemente, fosse de sua familia.e digo mais, ficaram de saia justa, diante de toda sociedade Maranhense, após conclusão definitiva do inquérito,for sentenciado o culpado, pelo crime cruel ocorrido nesta pacata cidade do Estado. E se o desfecho, for em contrário,ou seja, a favor do PRINCIPAL SUSPEITO,segundo apurações preliminares,terá uma boa razao, esta familia, que dorme, acorda e respira dinheiro, a oportunidade de abastecer ainda mais seu cofre, com a dinheirama de uma indenizaçao milionária, que o estado estaria obrigada a pagar aos familiares Gentil Gomes e Cia, pela desmoralização cinematográfica, que o acusado e aceclas teriam sido vitimados, o que acreditamos, seria uma tremenda furada de um sistema intelgente de investigação policial do estado, vulnerabilizar a credibilidade da corporação,coisa de quem acredita em Papai Noel, dada a contundente operação policial realizada.Portanto,segundo o comentarista anterior, a justiça não tarda a chegada, ela é, e sempre será justa.Parabens ao blog, pela coragem, isenção jornalistica e credenciada sem dúvida alguma a ser o mais confiável e respeitado dentre todos.Doa a quem doer,continue assim, São João Batista, já merecia também a chegada de um espaço midiático sócio cultural desta grandeza como este,em defesa da boa e impessoalidade informação, das apartidária colocações e principalmente da dignidade impar, dos que fazem esta redação.O dinheiro pode até comprar tudo,inclusive AC.... mais não macúla a honradez genética de quem, ainda que poucos, a possuem!E este é um grande exemplo.

    ResponderExcluir
  6. Não consigo entender esse frenezir.
    Mas quem é esse tal de Manoel capaz de mexer com o imaginário das pessoas?
    Caramba,será que esse indivíduo é um ser acima do bem e domal, do justo e injusto?
    O que ele já fez pelo povo desa cidade para receber tamanha atenção?
    Creio que deva ser uma meia dúzia que adora puca-saquismo.
    Enfim, ninguém é acusado de nada se não estiver um pingo de envolvimento.
    O judiciário é imparcial e só age através de provocação.Com certeza houve uma denúncia que motivou a prisão desse homem, agora se foi exagerada ou não cabe ao propio poder público decidir.
    Se ele for inocente tomara que prove logo e fique livre de qualquer acusação e seja completamente ressarcido pelos transtornos sofricos, caso contrário pague se dever algo para alguém.
    Agora volto a afirmar, o blog não é imparcial como insistem em afirmar. Imparcialidade está atrelada a isônomia, coisa que a agência até agora não se deu conta, não sei se é por ingnorancia ou por ser de certa forma amadores. Desculpe não quero diminuir ninguém, é apenas uma opinião.
    Temtar formar opinião encima da ingnorancia das pessoas é covardia.
    Obg, e tenha bom dia.

    Brasília-Df.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo de Brasília

    Não tentamos formar uma opinião em cima de ingnorância de ninguem. Como afirmamos, alguem paga agente pra ir atrás de noticias? Alguem envia doações para a manutenção deste espaço? Não.

    Mas é atualizado todos os dias, não é?

    E quem atualiza são pessoas que trabalham voluntáriamente do Fórum da Juventude desta cidade. E quem nos apoia aqui? Só a prefeitura, que dar o apoio para o Fórum da Juventude como organização constituida, não para este blog.

    E a respeito da imparcialidade, nunca afirmamos que somos, e sim que estamos em busca dela. Afinal, nenhum politico ou autoridade daqui de São João Batista nos paga para fazer este trabalho. Concorda?

    E se fossemos parciais, não teriamos deixado seu comentário, que além de nos criticar de forma destruitiva, não assina o mesmo.

    Continua a nos visitar.

    Jailson Mendes
    Agência de São João Batista-MA
    wwww.agenciadesjb.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Vamos lá Jaílson.
    Ora se vcs recebem alguma coisa para postar no blog não é problema meu, agora como leitor e joanino me sinto na obrigação de rebater tantas asneiras que surgem por aqui.
    Bancar o coitadinho em suas respostas não irá fazer com que eu mude minha linha de pensamento.
    O que mais me irrita como leitor e gente dessa gente são as referencias constantes de pessoas, famílias e políticos - como referncia da notícia.
    Toda crítica tem apenas um objetivo:construir.Agora depende muito de quem as recebe, e principalmente, o que vai fazer com ela.
    Meu post anterior tinha como objetivo atingir pessoas que defendem o tal Manoel de Gentil, que de gentil me recordo muito pouco.
    Agora se vc vai excluir meus comentário fica avontade doutor, só servirá para me dar ceerteza do que venho escrevendo desde o primeiro dia.
    VocÊs precisam ter uma visãod e tandera: enchergar além do alcance. Porque com esse pensamento limitado que tem sinceramente da vontade de rir(desculpe a franqueza).
    Volto a falar,da a noticia não e preciso referir-se a essas "autoridades" "familias importantes" com tanta frequencia e ênfase.(relembro que vc já utilizou essas expressões algumas vezes). Se vc ainda não conhece vos digo - isso chama-se markiting disfaraçado.
    Agora fica avontado.

    Brasilia 01/03/11

    ResponderExcluir
  9. Caro Anônimo de Brasília.

    Acho que você de tanto nos criticar e nos achar errados, acaba sendo um de nossos leitores mais assiduos.
    Não tenho nada a declarar a respeito de teus comentários, afinal aceitamos os críticos como você. Isso só nos faz melhorar e mudar nosso jeito de postar noticias.

    No entanto, meu caro, não tenho tempo para ficar de blá, blá com você, que eu sim, tenho mais o que fazer e não fico em blogs e sites, criticando organizações que atuam no social, como nós.

    No mais, agradecemos pelo sua visita e aproveito para dizer que nenhum comentário seu será retirado, porque acreditamos que a imparcilidade começa desse jeito.

    E da próxima vez, por favor se identifique, apesar de saber seu ip e cuidado com teus comentários. Podemos acionar nossa assessoria jurídica a qualquer momento.

    Continue a nos visitar

    Um abraço

    Jailson Mendes
    Coordenador da Agência de Comunicação Educativa de São João Batista-MA

    ResponderExcluir