12 de jun de 2012

FESTIVAL GUARNICÊ DE CINEMA

A 35ª edição do Guarnicê de Cinema foi aberta no último domingo (10), com uma noite de homenagens e apresentação de grupos folclóricos.
Durante toda esta semana, das 8h às 22h, o Teatro Municipal de São Luís é o mais novo endereço da sétima arte, onde serão exibidas cerca de 50 produções nacionais que vão concorrer no festival, entre documentários de curta e longa metragens. Também serão exibidos 120 filmes de uma mostra especial, que não concorrem a prêmios.
O guarnicê realizado em São Luís é o quarto festival mais antigo do Brasil e, ao longo de 35 anos, ajudou a revelar novos talentos, produtores, documentaristas e cineastas."Eu acho que o Guarnicê vem cumprindo o seu papel de fomentar o cinema por meio da busca de novos talentos e de explorar esse potencial", frisou Alberto Dantas, coordenador do evento.
Além da mostra de cinema, o festival oferece oficinas de direção, roteiro e recursos de áudio e vídeo, reserva um espaço para a fotografia, com a exposição "Viver e Reviver", que aborda o tema dos 400 anos de São Luís.
Homenagem
Um dos homenageados deste ano é o cineasta maranhense Murilo Santos, que não está entre os concorrentes, mas participa do Guarnicê com sete documentários na mostra especial. "É um espaço para fomento à produção e, como hoje é nacional, o festival traz para o Maranhão tudo o que está sendo produzido, em termos de audiovisual, em outras partes do Brasil", comemorou.
O que você achou?

0 COMENTÁRIO:

Postar um comentário