6 de ago de 2014

JOVENS DE SÃO JOÃO BATISTA APRESENTARÃO PEÇA TEATRAL NO III FESTIVAL DE TEATRO E DANÇA EM MATINHA

O III Festival de Teatro e Dança será a culminância a primeira etapa do Projeto Auscultando Nossa Voz, Apoiando Nossa Arte, onde serão compartilhando com o público os resultados do processo formativo dos jovens ao longo dos seis meses do Programa e Formação em Teatro e Dança. Nos dias 08 e 09 de agosto na cidade de Matinha serão apresentados a comunidade os espetáculos que foram produzidos a partir da pesquisa de campo realizada pelos jovens em cada cidade.
Ensaio realizado hoje
Assim como os demais festivais, este não terá caráter competitivo, mas sim formativo e de disseminação, resgate e valorização da cultura negra da Baixada. Além dos espetáculos produzidos pelos jovens durante as formações, o Festival contará ainda com oficinas para a comunidade, rodas de diálogo sobre o projeto e a importância da cultura negra; apresentações de espetáculos das companhias de teatro e dança dos Fóruns da Juventude; apresentações culturais locais como tambor de crioula, capoeira, divino espirito santo, bumba meu boi, entre outras manifestações culturais que fazem parte da cultura negra da Baixada Maranhense e da história do seu povo.
Ensaio hoje
 Objetivos do festival: Mostrar os espetáculos como resultados práticos do Programa de formação em Teatro e Dança do Projeto “Auscultando Nossa Voz, Apoiando nossa Arte”; Fortalecer as companhias de teatro e dança, valorizando a produção local; Resgatar e valorizar a cultura negra da região da Baixada Maranhense e Possibilitar a comunidade o acesso à cultura e ao lazer. Participarão do Festival 250 pessoas entre crianças, adolescentes, jovens pais e profissionais das cidades de Arari, Cajari, Viana, Matinha, Olinda Nova, São João Batista, São Vicente Ferrer, São Bento e Palmeirandia, além dos convidados de organizações parceiras de dentro e fora do estado.
 Jovens da Companhia de Teatro de São João Batista, “Artes e Raízes”, estarão apresentando a peça “Batuque”, inspirado em numa pesquisa realizada desde o começo do projeto comandado aqui na nossa cidade, pelo Fórum da Juventude, Instituto Baixada e Instituto Formação, com apoio da Prefeitura Municipal. Serão 16 atores jovens que estarão envolvidos. O Projeto Auscultando Nossa Voz, Apoiando Nossa Arte é desenvolvido pelo Instituto Baixada e os Fóruns da Juventude das cidades de Arari, Cajari, Viana, Matinha, Olinda Nova do Maranhão, São João Batista, São Vicente Ferrer, São Bento e Palmeirandia e apoio do Criança Esperança.
PROGRAMAÇÃO
1º Dia: 08/08/2014 (sexta feira)2º Dia: 09/08/2014 (sábado)
ManhãManhã
Chegada das delegações e recepção.
Espaço: Fórum da Juventude (Telecentro).
07h00 ás 08h00 – café da manhã
Espaço: Instituto Educacional Alberto Silva Costa – IEASC
08h00 – Cortejo Artístico. Roteiro:IEASC, Rua José Sarney, Agostinho Oliveira, Juarez Silva Costa, Afonso Matos. Av. Major Heráclito e Colônia dos Pescadores.
9h00 – Roda de Diálogo: A importância da Cultura Negra para a construção da cultura maranhense e baixadeira e Relato de experiências dos monitores sobre as pesquisas realizadas.
Espaço: Colônia dos Pescadores.
10h30min as 11h00 – Plenária
12h00 – Almoço
Espaço: Instituto Educacional Alberto Silva Costa – IEASC
12h00 – Almoço
Espaço: Instituto Educacional Alberto Silva Costa – IEASC.
TardeTarde
14h00 – Credenciamento.
Espaço: Colônia dos Pescadores.
14h00 – Ensaios e preparação das Companhias de Teatro e Danças. Espaço: Escola Prof. Joaquim Inácio Serra.
14h30min– Acolhida das Delegações do III Festival de Teatro e Dança com as boas vindas, dialogo sobre a programação e lançamento da Revista COR. Espaço: Colônia dos Pescadores
15h00 – Apresentação do Espetáculo “Retratos”, do município de Matinha.
15h30min as 17h30 – Oficinas para a comunidade.
Espaço: Telecentro, Colônia, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais STTR e Secretaria Municipal de Juventudes.
Oficina1: Dança afro
Oficina 2: Tambor de crioula
Oficina 3: Capoeira
Oficina 4: Teatro
Oficina 5: Ritmos afros
Oficina 6: Música
14h00 as 17h30 – Oficinas para a comunidade.
Espaço: Ce Pe Astolfo Serra (CEMA).
Oficina 1: Dança Afro
Oficina 2: Tambor de crioula
Oficina 3: Capoeira
Oficina 4: Teatro
Oficina 5: Ritmos afros
Oficina 6: Música
15h30min ás 17h00 – Ensaios e preparação das Companhias de Teatro e Danças.
Espaço: Escola Prof. Joaquim Inácio Serra
17h30min ás 18h30min – Apresentações culturais.
Espaço: Escola Prof. Joaquim Inácio Serra
  • “Fatos e Mistérios”, de Viana.
  • “Felipe de Sibá: Trajetórias de um Mestre”, de São Vivente de Férrer.
  • “Faces de Maria”, de Arari.
  • “Batuque”, de São João Batista.
  • “A História do Cadoz”, de Cajari.
“Correntes”, de São Bento.
17h30min ás 18h30min – Apresentações Teatrais.
Espaço: Centro de Ensino Pe. Astolfo Serra (CEMA).
18h00 ás 19h00 – Jantar
Espaço: Instituto Educacional Alberto Silva Costa
18h00 ás 19h00 – Jantar
Espaço: Instituto Educacional Alberto Silva Costa.
19h00 – Abertura Oficial á comunidade Apresentação dos espetáculos e manifestações culturais locais.
19h20min – Início das apresentações teatrais
Espaço: Praça Juarez Silva Costa.
  • “Revelando Faces”, de Olinda Nova do MA.
  • Manifestações culturais locais.
  • “Retalhos”, de Palmerândia.
20h00 – Apresentação dos Espetáculos e manifestações culturais locais.
Espaço: Praça Juarez Silva Costa
  • Manifestações culturais locais.
  • “Para Além do Horizonte”, de Olinda Nova, São João Batista e Matinha.
  • “Porteiras”, de Matinha.
O que você achou?

0 COMENTÁRIO:

Postar um comentário