20 de mai de 2011

DIREITO DE RESPOSTA: BATISTA AZEVEDO REBATE CRÍTICAS DE VEREADORES

Quando me propus a criar o Blog “São João Batista On Line”, o fiz na intenção de propagar a nossa cidade de São João Batista. Esse propósito ainda é prioritário, embora eu precise de paciência e tempo, pois este aspecto, que é sobre tudo histórico, requer pesquisa acima da mais fértil imaginação.  Outro objeto que motivou a criação do blog foi manter os muitos de meus conterrâneos espalhados por este mundão de meu Deus, informados sobre as coisas, os fatos, as pessoas e, claro sobre a política que se faz nos dias atuais em nossa terra. E tenho feito assim, sempre com  coragem e acima de tudo com respeito individual. Ainda que tenha sido algumas vezes voraz em minhas críticas, as tenho feito com responsabilidade. Nunca direcionei  as críticas às pessoas. Remeto-as às instituições, aos cargos ou funções as quais as pessoas estão investidas. Busco o lado impessoal das pessoas.
Mas nem só de críticas viveu até hoje o blog. Aqui também já foram feitos elogios às boas  atitudes  das autoridades. Já se fez observações importantes ao funcionamento das instituições. Já se chamou a atenção das autoridades contra os excessos ou o “modus operandi” de quem quer que seja. Já denunciamos o descaso com a “coisa” pública. Também já fomos arautos dos reclames da população, principalmente dos menos favorecidos, ou dos que se sentindo órfãos de representação, muitas vezes se calaram.
Ao longo de quase dois anos de existência ( o blog faz aniversário em 05 de julho) e muitas postagens, o blog “São João Batista on line” tem cumprido honrosamente a sua missão. Tem levado o cotidiano do nosso povo ao conhecimento dos muitos que se distanciaram da terra-mãe. Prova disto são os mais de nove mil acessos feitos, inclusive fora do país.
Sempre me ative aos fatos acontecidos ou a opiniões suscetíveis de estudos pesquisas e discussões. Sempre com humildade. Lembro, inclusive, que a primeira postagem homenageou uma figura folclórica do nosso tempo. “ O passamento do Senador” foi a homenagem e a informação da morte de Nazário – o nosso senador Mak, publicada em 05 de julho de 2009.
Já na segunda postagem enfatizei:  “Este "blog", a nova invenção do jornalismo cibernético, tem a missão de contar também os "causos" que marcaram a nossa história. Não temos obviamente a pretensão de arregimentá-lo sozinho, para tanto estamos abertos às colaborações que poderão vir através de comentários ou através de e-mails. Falaremos de política, cultura, esportes, entretenimento e sobretudo da nossa história. A história desta terra que pôs no mundo tantos e tantos homens e mulheres ilustres, que fazem e levam por este mundo afora a verdadeira saga de ser joanino”.
Assim tem sido até agora. Assim continuará sendo. Não me arredarei deste propósito. Buscarei sempre uma linha editorial própria e uma independência nas minhas opiniões, doa a quem doer.
Todavia, escrevo sem a pretensão de ser um profissional do jornalismo, ainda que a minha formação academicista, leve-me a palmilhar esta forma de literatura. Na maioria das vezes o que é aqui postado sai em meio às pálpebras cambaleantes de sono. Mas sai acima de tudo com a convicção de quem a quer fazer.
Assim exposto, respondo, em primeira mão, aos incautos que julgaram o “nosso Blog”- algo de tamanho efeito e significância para o mundo  e para comunicação dos tempos modernos,  como um “bloguezinho de nada”. Quanta insanidade!
Mas eu os perdoo, porque, certamente, eles não sabem o que dizem.


Visualizações do Blog por país


Brasil
                                             8.674
Estados Unidos
                                325
Portugal
                                           115
Holanda
                                             90
Rússia
                                                42
Alemanha
                                          36
Índia
                                                  35
Espanha
                                             25
França
                                               25
Japão
                                                23
O que você achou?

3 COMENTÁRIO:

  1. Caro amigo Batista, para nós Juaninos que moramos fora do nossa cidade querida e fora do Estado, somos solidarios aos seus comentarios, porque só assim sabemos o que se passa em São João Batista. Portanto não se importe com quem usa uma mascara, para esconder a façe da socidade, como somos sabedores na nossa politica Juanina tem muitos mascarados fora da epoca do carnaval.
    Fernando

    ResponderExcluir
  2. É seu Batista, de fato seu Blog incomodou a muita gente torrão natal:
    Incomodou aos Vereadores da oposição, incomodou aos esperançosos eleitores de Eduardo, que sonham um dia com a sua volta. Incomodou "aos mais esclarecidos" desta cidade, principalmente os afinados com a sua pessoa, que vivam numa expectativa muito grande ao tomar conhecimento do seu blog, por considerar que o mesmo é possuidor de uma eloquência e retórica imensurável mesmo sabendo da sua fracassada gestão a frente da Secretaria de Educação. No entanto o que nos mostrou foi uma negligencia e unilateridade descomunal aos fatos relevantes e pertinentes a sociedade joanina, principalmente nos posts publicados na rede mundial de computadores. A propósito, quando se lançava a debruçar sobre fatos ocorridos em terras joaninas, fazia algumas críticas se é que podemos chamar assim, se levarmos ao sentido literal da palavra, mas, o fazia de uma forma tão velada, passando até mesmo pelos censores dos estados totalitários do período de “entre guerras”.
    Quando comenta sobre as estradas, “chove no molhado” ou divide a culpa com gestões anteriores, até ai tudo bem, esse problema é “estrutural”, que vem de longas décadas. Nunca fez nenhum comentário, nem sorrateiramente uma alusão ao processo dos concursados de 2010, um assunto bem sugestivo, principalmente pra quem é do ramo, sem falar da greve dos professores da rede estadual de ensino, de onde é membro honorário.
    Em fim seu JB, o que se propôs a fazer nos entristece, por saber do seu potencial. Poderia está usando o arsenal literário que tens, e lhe é peculiar, para usar para o “bem”, onde sabe muito bem discernir “bem e mal”. Agora se preferir, pode ficar posando de “Porta Voz” de uma gestão falida e fracassada, marcada por corrupção, nepotismo e perseguição política.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir